sábado, 20 de outubro de 2007

História da música "Pais e filhos"

Para quem é fã da Legião urbana, deve ser um mistério a origem da música "Pais e filhos".
Na verdade a música foi dedicada a uma amiga de Renato russo que se jogou do 5º andar de um prédio em BSB após ter brigado com os pais.
Renato sempre dizia que ficava muito triste quando cantava essa música.Por isso não a cantava muito em Shows.
A música aborda idéias como a do relacionamento entre os pais e os filhos em um blues muito bem elaborado.
Outras partes da música abordam otras idéias, como o nome de santo que se refere ao filho dele, Giuliano, que mora em Brasília com seus avós (Pais de Renato). O refrão é copiada de um livro chinês que eles acharam no quarto do hotel em que se hospedaram na Europa. Aquela celebre frase "É preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã..." e "sou uma gota d'água..." na verdade não são autoria de Renato,Foram retiradas desse livro.
No LP as quatro estações há um depoimento de Dado Vila-lobos que conta o fato do livro.

5 comentários:

Julia Santos disse...

Boa explicação me ajudou muito!

Julia Santos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
loucas disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
loucas disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
loucas disse...
Este comentário foi removido pelo autor.